Produtividade

10 Desculpas para não Empreender

10 Desculpas para não Empreender Produtividade
93views

Existem mais do que essas “desculpites” mas aqui vou listar as 10 mais das desculpas  comuns que as pessoas usam  para não empreender.

Veja se você está se “encaixando” em alguma delas ou algumas delas e entenda que isso só estaria adiando a realização de um sonho , pois não passam de desculpas por não buscar o conhecimento correto.

Empreendedorismo é arriscado

Nessa situação vemos a PRIMEIRA desculpa:

É óbvio que tudo o que sai da rotina, é novo, foge do tradicional ao qual fomos educados desde nossos ancestrais, podem nos causar medo, porém o medo é muito bom, não fosse ele saltaríamos de um edifício, porém nos negócios, tentar significa serviço mal feito, pois grandes feitos só aconteceram porque não se tratava de uma tentativa e sim, fazer até que o resultado fosse positivo!

Costumeiramente esses tipos de pessoas não tem metas, não planejam nada e sonhos são apenas isso, sonhos e que raramente chegam a realização.

Faltam-lhes crença em si mesmos e o principal, buscar conhecimentos em fontes seguras.

Ter um emprego é mais seguro do que empreender

Vejamos a SEGUNDA desculpa:

Por conta justamente desse “ensinamento” a que fomos submetidos desde nossa infância por nossos pais, que por sua vez aprenderam com nossos avós, que por sua vez aprenderam com todas as gerações passadas e nisso vamos a tempos muito remotos, que devemos completar nosso estudo em todas as fases até o colégio, depois concluirmos uma boa faculdade, fazer mestrado, doutorado, após tudo isso buscar uma boa empresa, trabalhar por 45 anos e depois de idosos, aposentar e sobreviver com o que der, achando que isso é segurança!

Trazendo para a realidade atual do nosso país onde o desemprego atinge níveis jamais vistos e com a substituição da mão humana sendo engolida pela tecnologia, essa desculpa é uma das que mais pegam os “desavisados” de surpresa, pois desconheço quem em são consciência pode afirmar que seu emprego é completamente seguro e que amanhã não será demitido. Não existe essa segurança em nenhum segmento!

Não tenho dinheiro

A TERCEIRA e mais comum desculpa:

A maioria das pessoas acredita ser impossível empreender, sem que se tenha grande soma em dinheiro e que pra elas será impossível iniciar qualquer negócio, sendo que hoje vemos grande empresários que começaram seus impérios com algumas centenas de dólares como por exemplo Bill Hewlett e David Packard, fundadores da Hewlett-Packard.

Hoje nossa oportunidade tem a condição de que qualquer pessoa pode desenvolver, pois com baixíssimo investimento e que será integralmente em produtos e que poderá  ser um grande empresário de sucesso, sem a preocupação de desenvolvimento e produção de produtos, sem construção ou locação de espaços físicos, sem encargos sociais e logísticos e principalmente temos o sonho do empresário, sem empregados!

Não tenho tempo

QUARTA desculpa quando as anteriores não são o problema:

Nessa desculpa o que entendo é que a maioria o que verdadeiramente quer me dizer é que, sou desorganizado com relação às horas dos meus dias!

Nesse modelo de empreendedorismo, bastará poucos minutos para o primeiro contato no convite e uma ou duas horas após o trabalho tradicional, pois inicialmente não aconselho parar o que faz e sim, acrescentar pois tudo o que se faz além do expediente tradicional, estará na construção da sua fortuna, pois é renda extra e cá entre nós, quem não precisa de uma renda à mais?

Não tenho esse conhecimento

QUINTA  desculpa também muito comum: 

Por se tratar do “novo”, muitos que chegam a uma apresentação de nossa oportunidade, é o excesso de informações passadas em alguns minutos e que pra quem está chegando, transforma-se em um monstro gigantesco, completamente intransponível, o que está longe de ser verdade pois o network marketing é nada mais nada menos que uma verdadeira universidade, onde ao aprendermos em nossa caminhada, ao invés de pagarmos mensalidades durante esse aprendizado, ganhamos enquanto nos aperfeiçoamos e aí está a grande magia, pois não é o que você é hoje que irá fazer de você um empreendedor bem sucedido e sim no que você se tornará nesse caminho!

Veja o exemplo do Steve Jobs (Microsoft) e Bill Gates (Apple) que nunca terminaram uma faculdade e que construiram um verdadeiro império.

Eu sou jovem para empreender

Esta SEXTA desculpa poderia estar ligada ao nosso passado:

É comum vermos jovens dizer que não está na “época” pra isso e que futuramente vão voltar a pensar!

Se tivéssemos aprendido na escola que devemos ter duas bicicletas, uma pra brincar e outra pra alugar, iniciaríamos no aprendizado do empreendedorismo ainda crianças e quando chegássemos ao nível adulto, já estaríamos talvez com uma aposentadoria de causar inveja logo aos 20 anos.

E qual é o erro aí?

Se tivéssemos a matéria “Dinheiro1 e Dinheiro2” na escola, certamente a história de crise do país talvez nem existisse, pois ao colocar o dinheiro pra trabalhar por nós temos a equação correta à realização dos nossos objetivos!

É o que fazem os visionários de grande sucesso como o grande exemplo  Michael Dell que ainda adolescente fundou a Dell Computer e que com todo o vigor da sua juventude, construiu seu legado!

Sou velho não dá mais para empreender

SÉTIMA e mais triste das desculpas:

Ouço muito isso que estou velho, já passou minha vez, não dá mais pra mim e outras desculpas que sinceramente é de entristecer ver que uma pessoa já perdeu toda expectativa de conquista e que está a espera do que vier, qualquer coisa estará bem e vou aceitar, isso é terrível!

Vejam o grande exemplo do fundador da conhecida KFC (Kentucky Fried Chicken) o Coronel Sanders que aos 60 anos e com uma grande ideia e saborosa receita, expandiu mundialmente suas lojas.

Pessoas mais experientes tem a grande vantagem sobre os mais jovens, que é a confiança que os amigos tem neles, pois sua vivência torna-se motivo de aumento dessa confiança e muitas vezes tem sua ascensão no network marketing em tempo menor.

A economia não está boa

OITAVA desculpa:

Muito comum, esta é a desculpa da falta de coragem, pois é melhor jogar a culpa na crise do país, na política, na economia em baixa, mas nunca será nele mesmo!

O Network Marketing ou Marketing Multinível como também é conhecido, vem mostrando por vários anos, que seu crescimento se mostra maior em momentos de extrema crise e é justamente quando surgem os maiores líderes com seus top cheques.

Claro que esse “drible” na crise se deve ao tipo de segmento, produtos e sistema de remuneração que farão total diferença, pois nessa escolha se deve ter cuidado quanto a, que tipo de produto, se é de uso diário, se está dentro da realidade da maioria, se tem recompra fácil e principalmente se a estrutura da indústria e a segurança de continuidade poderá proporcionar esse crescimento.

Nisso nossa oportunidade vem somando premiações e reconhecimento a nível mundial, pois com a multi-nacionalização será questão de poucos anos para sermos reconhecidos mundialmente!

Não irá funcionar, tem muita concorrência

NONA desculpa:

Vamos imaginar um Shopping Center e sua Praça de Alimentação!

Tem uma lanchonete vendendo hamburguer? Tem duas? Três? NÃO!

Tem várias que fazem o mesmo lanche, o mesmo acontece com calça jeans, só tem uma? Óbvio que não, tem várias, muitas vezes dependendo do shopping dezenas, até centenas de lojas e você vê público para cada uma delas!

E nessa desculpa, posso acrescentar mais um adjetivo que irá se encaixar, a SATURAÇÃO que pra mim mostra a total falta de conhecimento no empreendedorismo da grande maioria, pois como irá saturar um segmento de higiene pessoal, cosméticos, perfumaria e bem estar, se todos os dias nascem milhões de bebês?

Ou na crise com o desemprego uma pessoa vai dizer:

Ah… enquanto eu não arrumar um novo emprego, não vou tomar banho, nem escovar meus dentes!

Óbvio que ABSOLUTAMENTE, não!

Um outro exemplo de que saturada está a mentalidade de quem diz isso, vamos imaginar a Brastemp, que fabrica milhões de novos refrigeradores TODOS OS DIAS! Porque não saturou se não conhecemos ninguém que não tenha geladeira em casa e a esse item, vamos acrescentar sua durabilidade de dezenas de anos e que muitas vezes ao serem substituídas, vão pra outros lares?

Ou seja, concorrência e saturação não passa verdadeiramente da desculpa mais equivocada e que pode afasta-lo dos seus grandes sonhos!

Isso não funciona

Essa é a DÉCIMA desculpa que invariavelmente é colocada por terceiros:

Muito comum ao conhecer esse novo modelo de empreendedorismo, que nem tão novo é, muitas vezes por impulso e empolgação dado aos números possíveis e que fogem da nossa realidade no tradicional, ao conhecerem as pessoas saem “vomitando” tudo que viram e ouviram aos primeiros que esbarram logo após uma apresentação, isso sempre acontece, porém pela falta momentânea de conhecimento, transfere-se junto às novas informações a falta de credibilidade, pois como disse foge à realidade dos ganhos do mercado tradicional  e com isso, parece irreal ou ilícito, pois onde já se viu alguém investir 2 Mil reais e chegar a ganhar 10, 20, 30, 50, 100 Mil reais em 5 anos?

Aí vem a frase:

Cuidado, isso é furada, não funciona!

Ou seja, é a “ducha de água gelada” a qual o novato não está preparado para ouvir, afinal a pessoa que o estaria “alertando” é um “amigo” ou alguém próximo e que por sua vez, ouviu de qualquer maneira!

Vai aqui uma dica para que isso não aconteça, mantenha a calma e ouça os conselhos do seu patrocinador, ele certamente, viveu tudo o que pra você está sendo novo e já conhece os caminhos das pedras e evitará que você trilhe por esses tropeços.

O “NÃO” já temos e é sem dúvida uma das palavras mais ouvidas por nós desde criancinhas:

Não suba aí, você vai cair…

Não coma isso, vai fazer mal…

Não saia sem blusa…

Não, não, não… Ou seja, vamos atrás do SIM, este vai leva-lo às grandes realizações!

Não se trata de tentar, trata-se de fazer até que dê certo, esta tem que ser sem a menor sombra de dúvidas sua determinação!

Leave a Response

Ademar Marinho
Olá amigos, meu nome é Ademar Marinho e quero aqui compartilhar com todos, um pouco da minha experiência e acredito firmemente que aos 61 anos, posso talvez auxiliar nos conhecimentos que adquiri ao longo de 6 anos atuando em Network Marketing. Infelizmente muitas pessoas ainda torcem o nariz para esse modelo de empreender, por não conhecerem de fato o mecanismo e acreditam ser "dinheiro fácil", posso garantir-lhes que não mesmo, temos muito trabalho e dificuldades como em qualquer outro negócio, porém a resiliência e dedicação em se profissionalizar nesta área, pode ser muito rentável e totalmente possível a qualquer pessoa, desde uma pessoa com pouco ou nenhum recurso, como grandes empresários que vêem nessa oportunidade, a liberdade que outros segmentos não proporciona. Sejam bem vindos a uma vida com mais qualidade!